PLANOS DE IMIGRAÇÃO DO PRESIDENTE BIDEN

Novo projeto de Lei de imigração

Dra  Ingrid Perez, Esq.

Em seu primeiro dia de mandato, o presidente Biden anunciou seus planos de enviar um ousado projeto de lei de imigração ao Congresso nas próximas semanas. As disposições expansivas mostram que a administração Biden está pronta para abraçar os imigrantes como parte da sociedade americana.

Aqui estão quatro componentes principais que você deve conhecer:

  1. Um caminho de oito anos para a cidadania para todos os 11 milhões de imigrantes indocumentados.

O projeto forneceria um trajeto de cinco anos para a residência permanente para todos os imigrantes indocumentados presentes nos Estados Unidos em 1º de janeiro de 2021, seguido por uma espera de três anos para a naturalização. Certos indivíduos com laços de longa data com os Estados Unidos e avaliação anterior do governo seriam acelerados, incluindo mais de 1 milhão de pessoas com Ação Diferida para Chegadas na Infância e Status de Proteção Temporária – além de trabalhadores agrícolas.

Os candidatos elegíveis primeiro solicitariam status legal temporário, com a capacidade de solicitar um green card depois de cinco anos, caso passassem por verificações de antecedentes criminais e de segurança nacional e pagassem seus impostos. Após 3 anos, os portadores de green card que passam em uma prova cívica e dominam a língua inglesa podem solicitar a naturalização.

  1. Eliminar o castigo de três e dez anos e expandir a imigração legal.

Muitos imigrantes que poderiam ter a chance de legalizar seu status podem não ser capazes de fazê-lo. Isso ocorre por causa das penalidades que proíbem os aplicantes ao green card de retornar aos EUA por três ou 10 anos se eles forem embora depois de estar no país sem autorização. E muitas dessas pessoas que se qualificam para o green card precisam se inscrever no exterior.

O novo projeto de lei reverterá esses castigos que impedem ou atrasam muitos membros elegíveis da família de se tornarem residentes permanentes legais – mesmo se já estiverem nos Estados Unidos.

  1. Expandir os canais de imigração existentes.

O projeto também fará mudanças significativas no sistema de imigração legal. Ele recuperará milhões de vistos anteriormente não utilizados para reduzir os acúmulos de green card, eliminar limites por país nos vistos e fornecer caminhos rápidos para um green card para filhos e cônjuges de residentes permanentes. Também evitará que filhos de portadores de visto H-1B “envelheçam” e sejam forçados a deixar os Estados Unidos.

  1. Destorcer a fiscalização da imigração por soluções abrangentes.

Desde 2003, o Congresso autorizou mais de US $ 330 bilhões na fiscalização da imigração – e o número de agentes da Patrulha de Fronteira dos EUA quase dobrou. Ainda assim, não vimos o Congresso aprovar nenhuma medida para apoiar os imigrantes em mais de 30 anos, apesar de ter expandido consistentemente o sistema de fiscalização.

O projeto do presidente Biden é diferente dos esforços anteriores para aprovar um projeto abrangente porque não está diretamente vinculado às medidas de fiscalização da imigração, que têm sido o foco singular da política de imigração por anos.

A visão do presidente Biden para a reforma da imigração é um desenvolvimento bem-vindo. Se aprovado em lei, o projeto finalmente forneceria canais para milhões de pessoas que chamam este país de casa para validar seu status. É um passo em direção a um sistema de imigração mais justo.

Terra Immigration Partners está empenhada em mantê-lo informado enquanto a nova administração torna sua visão uma realidade. Vamos chamar nossos senadores no Congresso e incentivá-los a aprovar este projeto em lei. Continuaremos a ser seu recurso para fatos muito necessários no debate sobre imigração.

Ingrid Perez, Esq.

Se você tiver alguma pergunta sobre imigração, pode entrar em contato pelo telefone (407) 818-1244, Whatsapp (407) 476-8155 ou por e-mail assistance@terralawyer.com

 

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

    Recommended Posts

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend